tópicos site.001

O AT-202 é o curso de Formação de Analistas Transacionais que habilita ministrar Cursos em Análise Transacional além de utilizar a teoria como base para trabalho Organizacional, Clínico (psicoterapia), Educacional ou na Área da Saúde. Também prepara o profissional para contribuir cientificamente na sua área de ênfase.

tópicos site.004

CARGA HORÁRIA: 318 horas-aula, referentes ao Programa Geral e mais 120 horas-aula referentes ao Programa Específico para cada área (clinica, organizacional, educacional, saúde), conforme Regulamento de Formação da UNAT-BRASIL.

tópicos site.003

PROGRAMA GERAL

I- Análise Transacional como Ciência – 26 horas-aula

1. COMPONENTES CURRICULARES DA DISCIPLINA

Unidade I:

1.1. Localização da Análise Transacional no contexto histórico e social.

1.2. Vida e obra de seu criador: Eric Berne.

1.3. Desenvolvimento da AT (da década de 50 aos anos atuais)

1.4. As Escolas dentro da Análise Transacional.

Unidade II:

2.1. Introdução ao pensamento científico.

2.2. Saúde, doença mental e direitos humanos.

2.3. Aspectos históricos, sociais e culturais da saúde.

Unidade III:

3.1. Artigos sobre Intuição e Estados do Ego.

3.2. Contribuições de Penfield, Klein, Federn, Weiss e Erik Erikson ao pensamento de Eric

Berne.

II – Estrutura e Dinâmica da Personalidade – 32 horas-aula

1. COMPONETES CURRICULARES DA DISCIPLINA

Unidade I: Análise Estrutural

1.1. Definição e descrição

1.2. Determinantes, Órgãos Psíquicos e Estados de Ego

1.3. Terminologia padronizada

1.4. Diferenciação do conceito de Estados de Ego dos conceitos psicanalíticos de id, ego e

superego.

1.5. Energia Psíquica ou Catexia

1.6. Fronteiras

1.7. Poder Executivo e Self Real

Unidade II: Análise Funcional

2.1. Definição e descrição

2.2. Diagrama Funcional e Descrição Comportamental

2.3. Distinção entre Estrutura e Função

2.4. Diálogos Internos

2.4.1. Seqüências internas de Taibi Kahler: Perseguição, Salvação, Proteção e Nutrição

2.4.2. Pai Ativo e Pai Influente

2.4.3. Autocalibração

2.5. Egogramas: Hipótese de Constância

2.6. Descontaminação

Unidade III: Diagnóstico de Estados de Ego

3.1. Comportamental

3.2. Social

3.3. Histórico

3.4. Fenomenológico.

Unidade IV: Patologia dos Estados de Ego

4.1. Contaminação, Exclusão, Lesão.

4.2. Labilidade de Catexia.

4.3. Simbiose

III – Análise da Comunicação Humana – 16 horas-aula

1. COMPONETES CURRICULARES DA DISCIPLINA

Unidade I: Definições e classificações

1.1. Definição de Transação

1.2. Classificação e Diagramas das Transações: Complementares, Cruzadas e Ulteriores

1.3. Tipos de Transações Cruzadas: tipo 1, 2, 3, 4

1.4. Regras de Comunicação

Unidade II: Transações especiais

2.1. Transação da Forca

2.2. Transação no Alvo (Bull’s eye)

2.3. Transação da Permissão

2.4. Transação Cerrada

2.5. Transações Redefinidoras

2.6. Transação da Carambola

Unidade III: Opções

Unidade IV: Análise dos relacionamentos

IV – Reconhecimento Humano e Empoderamento – 32 horas-aula

1. COMPONETES CURRICULARES DA DISCIPLINA

Unidade I: Fomes

1.1. Fome de Estímulos

1.2. Fome de Contato

1.3. Fome de Reconhecimento

1.4. Fome de Estrutura

1.5. Fome de Incidentes

1.6. Fome de Sexo

1.7. Fome de Liderança

1.8. Fome de Posição Existencial

1.9. Necessidades Relacionais – Richard Erskine

Unidade II: Carícias

2.1. Definição de Carícia

2.2. Pesquisas de Harlow, Levin, Spitz.

2.3. Classificação de Carícias:

2.3.1. Quanto ao sentimento que convida: Positivas, Negativas

2.3.2. Quanto à condição: Incondicionais, Condicionais

2.3.3. Quanto à forma de transmissão: Verbais e Não Verbais (físicas, gestuais,

fisionômicas e simbólicas)

2.3.4. Carícias Adequadas e Inadequadas

2.3.5. Carícias Falsas e Verdadeiras

2.4. Leis de Economia de Carícias e Leis de Abundância de Carícias

2.5. Filtro de Carícias

2.6. Análise do Padrão de Carícias

Unidade III: Síndrome da Passividade e Simbiose

3.1. Definição de Autonomia e Simbiose

3.2. Simbiose Natural e Simbiose Patológica

3.3. Tipos de Simbiose:

3.3.1. Primária Resolvida, Primária Não Resolvida e Secundária

3.3.2. Competitiva de Pai, Competitiva de Criança e Complementar

3.4. Quadro de Referência

3.5. Desqualificação, Grandiosidade, distúrbios de pensamento

3.6. Quadro de Desqualificação

3.7. Comportamentos Passivos

V – Educação Emocional – 32 horas-aula

1. COMPONETES CURRICULARES DA DISCIPLINA

Unidade I: Conceitos e definições

1.1. Sensação, Emoção e Sentimento

1.2. Emoções Naturais: o que são e para que servem

1.3. Disfarce (segundo Berne, Fanita English, Goulding, Steiner, Roberto Kertész)

Unidade II: Sistema de Disfarce

2.1. Erskine e Zalcman

2.2. Conceito de Racketeering (Fanita English)

Unidade III: Disfarces e suas relações

3.1. Relação com Transações, Jogos e Script

3.2. Relação dos Disfarces com a Posição Existencial

Unidade IV: Educação Emocional

4.1. Objetivos

4.2. Métodos

4.3. Fontes de Poder Pessoal (Steiner)

VI – Estruturação Social do Tempo, Jogos Psicológicos e de Poder – 40

horas-aula

1. COMPONETES CURRICULARES DA DISCIPLINA

Unidade I: Estruturação do Tempo

1.1. Formas de Estruturação Social do Tempo: isolamento, ritual, passatempo, atividade,

jogos, intimidade

1.2. Análise dos padrões de Estruturação Social de Tempo: tempo Espera tempo

Ressaca, tempo Meta e tempo Relógio

1.3. Relação com Carícias e Circuitos Positivo e Negativo da Personalidade

1.4. Aplicação ao comportamento: Tempograma

Unidade II: Jogos Psicológicos

2.1. Definição e características dos Jogos

2.2. Objetivos

2.3. Vantagens

2.4. Digramas e Fórmula do Jogo

2.5. Triângulo Dramático

2.6. Descrições dos Jogos

2.7. Análise Formal

2.8. Severidade do Jogo (graus)

2.9. Relação dos Jogos com:

2.9.1. Carícias

2.9.2. Posição Existencial

2.9.3. Desqualificação

2.9.4. Passatempos

2.9.5. Disfarces

2.9.5. Scripts

Unidade III: Jogos de Poder

3.1. Definição

3.2. Distinção entre Jogos Psicológicos e Jogos de Poder

3.3. Classificação

3.4. Respostas possíveis aos Jogos de Poder

Unidade IV: Aplicação ao comportamento e intervenções

4.1. Confrontação das primeiras Desqualificações

4.2. Desfecho Final Positivo (John James);

4.3. Resposta a Jogos (J. Dusay)

VII – Teorias do Desenvolvimento – 16 horas-aula

1. COMPONETES CURRICULARES DA DISCIPLINA

Unidade I: Autores básicos em Análise Transacional

1.1. Eric Berne

1.2. Fanita English

1.3. Jacqui Schiff

1.4. Pamela Levin

Unidade II: Outros autores em Análise Transacional

2.1. Franco Del Casale, James Allen, Peg Blackstone e Daniel Stern

Unidade III: Outras teorias de desenvolvimento

3.1. Jean Piaget

3.2. Erik Erikson

VIII – Análise do Script de Vida – 40 horas-aula

1. COMPONETES CURRICULARES DA DISCIPLINA

Unidade I – Definições e Matrizes do Script

1.1 – Definição do Script segundo Eric Berne.

1.2 – Matriz do Script e seus componentes: Programa, Injunção, Provocação e Prescrição.

1.3 – Modelos de Matrizes: Berne, Steiner, Goulding

1.4 – Outros autores que definem Script: R.Erskine, F.English.

Unidade II – Formação e Elaboração do Script

2.1 – O Destino Humano

2.2 – Influências pré-natais

2.3 – Desenvolvimento Precoce

2.4 – Posição Existencial

2.5 – Anos Maleáveis

2.6 – O Aparelho do Script

2.7 – Fim da Infância

2.8 – Adolescência

2.9 – Maturidade e Morte

2.10 – Contra-Script, Epi-Script, Anti-Script: definições e diferenças.

Unidade III – Classificações do Script

3.1 – Segundo Eric Berne – Meta, Tempo e Final

3.2 – Outros Autores: Steiner, Kértész.

Unidade IV – Script e Autonomia

4.1 – Pontos de vista filosóficos

4.2– Fazendo progressos, Mudança e Cura

4.3– Toda pessoa tem um Script

4.4– Curral OK

4.5– Script versus Autonomia

4.6– Permissão, Proteção e Potência

Unidade V – MINISCRIPT

5.1 – Teoria do Mini Script

5.2 – Diagramas

5.3 – Intervindo para obtenção da Autonomia.

IX – Contratos Relacionais – 12 horas-aula

1. COMPONETES CURRICULARES DA DISCIPLINA

Definição e Tipos de Contratos

Requisitos para validar um Contrato

Aspectos dos Contratos

Contratos de Controle Social e de Autonomia

X – Grupos e Organizações – 40 horas-aula

1. COMPONENTES CURRICULARES DA DISCIPLINA

Unidade I: Definição e terminologia de Berne

1.1. Definição de Grupo.

1.2. Estrutura do Grupo.

1.2.1. Grupo Simples, Composto e Complexo.

1.2.2. Agregados Sociais.

Unidade II: Constituição do Grupo: Formal ou Organizacional

2.1. Estrutura Organizacional.

2.2. Estrutura Individual.

2.3. Estrutura Pública.

2.4. Estrutura Privada.

Unidade III: Dinâmica de grupo

3.1. Sobrevivência.

3.2. Forças.

3.4. Atividade e Processos Grupais.

3.5. Imago Grupal.

3.6. Filiação a um Grupo.

Unidade IV: Autoridade do grupo

4.1. Liderança.

4.2. Cânone do Grupo.

4.3. Cultura: Etiqueta, Cultura Técnica e Caráter.

Unidade V: Organização de um grupo

5.1. Contratos na organização: Administrativo, Profissional, Psicológico.

5.2. Relação Facilitador – Cliente.

5.3. O Facilitador: preparo responsabilidade e supervisão.

Unidade VI: A intervenção em grupos disfuncionais

6.1. Consultoria com a Liderança.

6.2. Diagnóstico por Diagramação.

6.3. Processo versus Atividade.

6.4. Administração de Conflito

XI – Ética Profissional – 24 horas-aula

1. COMPONETES CURRICULARES DA DISCIPLINA

Unidade I: Moral e ética

1.1. Conceitos

1.2. Avaliação das diferenças entre moral e ética

Unidade II: Influências filosóficas

2.1. No agir na sociedade ocidental e suas mudanças através da história

2.2. Relação com o agir ético na profissão

Unidade III: Código de Ética da UNAT-BRASIL

3.1. Ética geral e os valores da Análise Transacional

3.2. Processamento de queixas éticas

3.3. Diferenças entre as aplicações clínicas, educacionais, organizacionais jurídicas e de

outras áreas da Análise Transacional.

Unidade IV: Treinamento e Análise Transacional

4.1. Consciência da necessidade de treinamento específico

4.2. Análise Transacional aplicada na área organizacional

4.3. Análise Transacional aplicada na área clínica

4.4. Análise Transacional aplicada na área educacional

4.5. Análise Transacional aplicada aos trabalhos com grupos.

4.6. Contrato de não terapia para áreas não clínicas

tópicos site.005

Para participar da próxima turma oferecida por nós, manifeste o seu interesse clicando no botão abaixo.
QUERO SER UM ANALISTA TRANSACIONAL!